Cándido Mezúa Salazar  

Country of Origin: Panamá

Desde muito jovem, Cándido Mezúa participa de organizações e grupos que lutam pela defesa dos direitos do povo emberá wounaan, do qual faz parte, além de outros grupos indígenas do Panamá. Nos últimos anos, sua voz alcançou vários níveis e o tornou uma referência internacional na batalha de povos indígenas pela defesa de seus direitos, especialmente em questões relativas a florestas e territórios. Graças a isso, ele tem sido convidado como orador ou palestrante de fóruns internacionais e mundiais de grande prestígio, nos quais vem realizando uma participação de enorme destaque.

Cándido também tem participado de importantes espaços de negociação, tanto em seu próprio país como em organizações e iniciativas internacionais, como o programa de Redução de Emissões por Desmatamento e Degradação (REDD) das Nações Unidas, pelo qual é convidado a conferências e eventos especializados de organizações como o World Resources Institute (WRI) e a Rights and Resources Initiative (RRI).

Ele já “dividiu o palco” com importantes figuras políticas, econômicas e empresariais, como Vicky Tauli Corpuz, relatora especial da ONU para os Direitos dos Povos Indígenas; Paul Polman, CEO da Unilever; Helen Clark, diretora do Programa das Nações Unidas para o Meio Ambiente (PNUMA); Tine Sundtoft, ministra do Meio Ambiente da Noruega; além de ter sido convidado especial do estado norte-americano da Califórnia como parte da delegação da Aliança Mesoamericana de Povos e Florestas (AMPB, por sua sigla em espanhol), entre muitos outros eventos e companhias importantes.

Atualmente, Cándido é secretário de Assuntos Internacionais da AMPB e presidente da Fundação Emberá para o Desenvolvimento Cultural Internacional e Vínculos com Emberá Wounaan.

Related Films

In the press