Sobre

Quem vai interromper "essa loucura" da mudança do clima, "se não formos nós, quem, se não for agora, quando?" Yeb Sano

Estamos explorando um elemento-chave da crise climática, fazendo uma pergunta muito básica – quem está protegendo nossas florestas?

As florestas cobrem quase um terço da superfície terrestre e desempenham um papel importante na contenção dos efeitos da nossa rápida mudança climática, absorvendo cerca de 2,4 bilhões de toneladas de dióxido de carbono por ano. Dentro destas florestas vivem povos tradicionais e indígenas que têm uma profunda conexão espiritual e compreensão de suas casas ancestrais. Esta conexão está sendo ameaçada por um mundo moderno com fome de recursos. Como resultado, as pessoas que chamam a floresta de seu casa, estão agora envolvidos em uma luta constante e freqüentemente violento.

‘Se Não Formos Nós, Quem’ comunica em primeira mão as histórias pessoais únicas de um povo discreto e vital, enquanto eles lutam para proteger suas vidas, suas culturas e nossas florestas.

Mais sobre o projeto

Todos os nossos filmes são participativos; trabalhamos diretamente com populações indígenas para contar as histórias segundo a versão deles. Da Indonésia ao Peru, temos trabalhado com redes indígenas para interpretar sua experiência e, como resultado, o material que você vê neste site reflete de forma ampla o trabalho de nossos principais parceiros: a Aliança dos Povos Indígenas do Arquipélago (AMAN, Indonésia), a Aliança Mesoamericana de Povos e Florestas (AMPB, Nicarágua), a Rede de Associações de Povos Indígenas (REPALEF, República Democrática do Congo) e a Coordenadora das Organizações Indígenas da Bacia Amazônica (COICA, Equador).

Temos como meta devolver nosso material às comunidades indígenas para que utilizem em suas campanhas e promovam mudanças localmente. Sempre que podemos, também levamos este material à atenção de públicos internacionais, criando conteúdo específico em mídias sociais para ampliar a conscientização em uma época em que o consumo excessivo de bens primários afeta diretamente as comunidades locais.

Este material está sendo utilizado por muitas organizações não governamentais (Global Witness, Rainforest Foundation, ISA, RAN) para esclarecer desenvolvedores de políticas de governos e grandes corporações sobre as necessidades que possuem essas comunidades. O material é um caminho para a compreensão de problemas complexos como mudanças climáticas, o comércio de bens primários e como isso afeta as comunidades locais.

Quando o momento é propício, nosso material também é utilizado por jornalistas de publicações como Le Monde, El Pais, The New York Times, The Guardian, Mongabay, BBC online e muitas outras.

Esperamos que este material seja utilizado para esclarecer e informar, mudar mentalidades e tocar sentimentos. Queremos que o mundo saiba que, se quisermos proteger as florestas, será preciso antes de mais nada conversar com a população que nelas habitam.

Defensores do meio ambiente